| |
|

Pessoas conectadas nos últimos 20 minutos: 828375 { professores: 0 | editores de blog: 4 | editores de sites profissionais: 0 | usuários com coleções públicas: 27 }

Comentários
Cão Guia

Ficção | De Gustavo Acioli | 1999 | 19 min | RJ

15 Comentários
Por Ecilda Bernardino Lopes - Usuário | 28/01/2010

Muito bom, parabéns a toda equipe, as vezes não precisa ver para ver.
Por Sonia Maria Lopes Maciel - Professor | 28/01/2010

Gostei muito da mensagem que o filme passa. Muitas vezes não enxergamos mesmo nada diante de nós. Achei interessante os cortes dos planos simulando nossa escuridão diante de tudo o que está à nossa frente. É um ótimo curta para se trabalhar com jovens muitas reflexões. A arte tem esse poder, o de provocar e propor mudanças dentro de nós. Simples, curto e profundo.
Por Tamara Costa - Usuário | 28/01/2010

Adorei!
Por Francisco de Assis A. Miranda - Usuário | 28/01/2010

Gostei imensamente deste filme. Eu fiquei devidamente emocionado com a abordagem do rapaz, pois ele mostrou que gostou da moça, mesmo sendo cega. Agora, voces coloram uma moça muito bonita e parece que também é muito inteligente.Mas, de qualquer maneira, achei formidável a abordagem do rapaz e a resistencia da moça. É uma pena que esqueci o nome dos personagens, talvez seja a minha idade.Completei os meus 70 anos e o alemão já está me acossando. Nota dez.
Por erineia gutierrez silva - Usuário | 28/01/2010

ainda bem que o raul descobriu que é um babaca, e foi procurar ajuda! os babacas agem assim com qualquer pessoa que eles não olhem como uma igual! gostei do filme!
Por Kátia Bastos - Usuário | 28/01/2010

Gostei muito do filme, a mensagem é boa. Reforça a idéia de que o portador de necessidades especiais não pode, nem deve ser confundido e chamado de cego.
Por antonio frederico albergaria - Usuário | 28/01/2010

bom
Por Maria Teresa Diamantino - Usuário | 28/01/2010

Deixa claro que todos temos as nossas deficiências. A de Lúcia (Luz) é suplantada com personalidade forte dessa mulher apaixonante. Não é à toa que pra, começo de relacionamento, Raul vai aceitar ser o cachorrinho dela. Quem escreve é o Marcos... É que utilizo a senha do porta-curtas de minha esposa... E desse curta gostei demais...
Por maria nazaré do nascimento - Usuário | 28/01/2010

Um filme que deixa claro que, muitas vezes um cego enxerga mais que uma pessoas que enxerga, por isso a sociedade deve respeitar a todos como pessoas normais e capaz, e não como deficientes.
Por Maria Thereza Jorand - Usuário | 28/01/2010

Sensibilidade é a palavra para qualificar o trabalho da equipe.

Páginas: 1 2