| |
|

Pessoas conectadas nos últimos 20 minutos: 45790 { professores: 0 | editores de blog: 0 | editores de sites profissionais: 0 | usuários com coleções públicas: 3 }

Comentários
O Tempo dos Objetos

Ficção | De Bruno Carneiro | 2001 | 13 min | SP

12 Comentários
Por Paulo Miranda - Usuário | 23/04/2015

Surpreendente seria a melhor palavra para definir esse curta. Quase sem diálogos, roteiro e execução simples, mas muito bem feito, com uma direção segura, atuação do elenco na medida certa, contando uma estória forte, relevante. Parabéns a equipe do curta!
Por Helder Correa Galvao - Exibidor | 28/01/2010

Como vocês conseguiram salvar a minha vida? Na verdade eu sou ela e ele é ela. Enquanto o desfecho acontece em poucos minutos, o meu já dura mais de 30 anos.
Por VALGUENIA FERNE DE SOUZA TORRE - Professor | 28/01/2010

Adorei o filme O tempo dos objetos, é um filme que mexe com a emoção, com o resgate ao passado. Fazer esse resgate é muito bom, os alunos gostam e se divertem com as histórias, consigo enxerga um trabalho divertido e gosto; e ao mesmo tempo de resgate de valores que andam um pouco esquecidos.
Por Jussara Dias - Professor | 28/01/2010

O tempo dos objetos: filme muito bom e interessante. Uma história prática e dinâmica.
Por Juliana Dias - Usuário | 28/01/2010

Traz um clima real de nostalgia e me fez até mesmo reavaliar algumas coisas na vida. Muito delicado.
Por Lucila Casseb Pessoti - Usuário | 28/01/2010

Belíssimo! Emocionante! Fiquei sem saber o que dizer além disso. Que trabalho delicado. Parabéns aos atores e diretor!
Por Rita C M P Amaral - Exibidor | 28/01/2010

Belíssimo, mostra que os pequenos pedaços de nós que vamos abandonando pela vida podem ser fundamentais à totalidade que imaginávamos construir: nós e nossa história. A recuperação desses pequenos pedaços esquecidos ou fora de lugar pode nos transformar aos nossos olhos e, assim, também a nossa relação com o mundo. Talvez o filme também pudesse se chamar Os Objetos do Tempo, que somos nós por ele consertados com as peças da memória recuperada, concluindo o quebra-cabeças do existir. Parabéns ao diretor.
Por Hélder Greb dos Santos - Usuário | 28/01/2010

Simples, inteligente e genial! Vale muito a pena.
Por maria do socorro couto guarnie - Usuário | 28/01/2010

Filme excelente que nos aponta para a busca de sentido da vida pelo resgate de momentos, significativamente, vivenciados. Sendo esses os elementos que podem conduzir para o significado do existir, pois através da reorganização das memórias do passado (quebra-cabeça), o prazer de viver pode ser resgatado, afastando a falta de perspectiva para o futuro(Em busca do tempo perdido).
Por Vinícius do Prado Monteiro - Usuário | 28/01/2010

Sensacional esse curta. Traz uma belíssima reflexão sem muitas palavras. Parabéns

Páginas: 1 2